Logo Bulk Services

Marketing político no WhatsApp – Campanha eleitoral 2016

Nas eleições de 2016 o marketing político no WhatsApp promete ser um dos grandes destaques em termos de marketing político digital, dando sequência a um movimento iniciado na campanha passada, mas que nas próximas eleições tende a alcançar uma dimensão muito maior. Perspectivas do marketing político no WhatsApp Nas eleições majoritárias, o marketing político no WhatsApp surpreendeu até mesmo pela qualidade de algumas campanhas, que souberam dosar a utilização da ferramenta e seu potencial de comunicação, coisa ainda rara no Brasil quando se fala de marketing político digital. Não é que seja a mesma coisa, e nem mesmo o mesmo ambiente de comunicação, mas depois daproibição do telemarketing em campanhas de marketing político, o WhatsApp se tornou a ferramenta que mais se aproxima deste canal de comunicação. Por ser uma ferramenta de marketing político online relativamente nova, as experiências e seus resultados ainda são escassos, e por isso, só podemos trabalhar com os dados e cases que já estão disponíveis. Mesmo assim, é possível traçar um bom cenário para aplicação desta ferramenta. Aplicações do WhatsApp no marketing político digital Muita gente vê o WhatsApp apenas como um novo canal de comunicação entre o candidato e seus eleitores em potencial, mas em função das diversas ferramentas oferecidas pelo aplicativo, ele pode ser usado em muitas outras funções inerentes ao trabalho do marketing

Leia mais

E-mail marketing ou WhatsApp: qual é a bola da vez?

A cada momento algum especialista elege a bola da vez no marketing. Tempos atrás se falava que o e-mail marketing era ( na minha opinião nunca deixou de ser) uma excelente ferramenta , agora com a aceitação do aplicativo o WhatsApp é a bola da vez? Bem, não se trata de ser a bola da vez e sim de como utilizar todas as ferramentas de forma correta. Lembrando que cada uma tem sua peculiaridade. Muitos me perguntam sobre a eficácia no envio de e-mail marketing. Como sempre digo, para o sucesso no envio de e-mail marketing o fundamental é ter uma base de dados construída pela marca junto aos seus clientes. Nunca compre listas milagrosas, além de transformar seus envios em spams, o percentual de abertura é muito baixo. Campanhas de e-mail marketing são eficazes se bem trabalhadas, da base de dados até o layout pensado para mobile. Temos percebido que a abertura de e-mails via desktop tem sido menor em relação abertura via smartphone. O celular, a cada dia que passa assume uma posição de utilização maior; do pagamento de contas; depósito de cheques; pesquisa no google; acesso as redes sociais; abertura de e-mails ; SMS; até a utilização do WhatsApp como ferramenta profissional. Mas o aplicativo WhatApp vem ganhando espaço na comunicação entre marcas e clientes. Muitas empresas

Leia mais

Pesquisa indica base de 85% do WhatsApp no Brasil

Pesquisa independente realizada por uma parceria entre o site de notícias Mobile Time, da Converge Comunicações, e a empresa de soluções em pesquisas Opinion Box indica que no Brasil temos 85% de penetração do WhatsApp na base de celulares instalada. O questionário foi elaborado por Mobile Time e aplicado on-line por Opinion Box junto a 1.920 brasileiros que acessam a Internet e possuem smartphone, respeitando as proporções de gênero, idade, faixa de renda e distribuição geográ ca desse grupo. As entrevistas foram feitas ao longo de janeiro de 2016. A margem de erro é de 2.3 pontos percentuais. O grau de con ança é de 95%. Alguns outros pontos levantados pela pesquisa: Qual a proporção de brasileiros com smartphone que já compraram bens físicos através de um app ou site móveis? Houve aumento dessa proporção desde a última edição da pesquisa, seis meses atrás? Quais as categorias de produtos mais comprados através do smartphone? Quais os apps ou sites mais usado para a compra de produtos? Qual a proporção de brasileiros com smarphone que demandam os seguintes serviços via apps: corrida de táxi, delivery de refeição, hospedagem e compra de ingresso para eventos? Quais os apps mais usados para a solicitação dos serviços de corrida de táxi, delivery de refeição, hospedagem e compra de ingresso para eventos? Acesse esse e

Leia mais

WhatsApp: uso pelos brasileiros revela potencial para adoção de bots

Quão receptivos seriam os brasileiros para conversar com robôs dentro de apps de comunicação instantânea? Ainda não sabemos. Mas uma coisa é certa: os brasileiros já estão utilizando o WhatsApp, por exemplo, para solicitar uma série de serviços que, no futuro, poderão ser atendidos por chatbots. Isso ficou claro nos resultados da mais nova pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box – Comércio Móvel no Brasil, cujo relatório será disponibilizado na próxima quarta-feira, 20, para download gratuito. Tal como na edição anterior, a pesquisa incluiu perguntas sobre o uso de apps de comércio móvel de quatro categorias específicas cuja utilização está mais madura no Brasil: chamada de táxi, delivery de refeição, reserva de hospedagem e compra de ingressos para eventos. Em todas elas, foi solicitado aos entrevistados que citassem livremente qual o app que usam com mais frequência para cada finalidade. Chamou a atenção a presença do WhatsApp entre os primeiros colocados em três dessas categorias. Em delivery de comida, 8% dos entrevistados que costumam pedir refeição pelo smartphone responderam que o fazem principalmente através do WhatsApp. O aplicativo de comunicação instantânea fica em terceiro lugar, atrás apenas dos líderes iFood e PedidosJá, e na frente de outros apps dedicados a esse mercado, como HelloFood. A explicação é que há restaurantes e até mesmo serviços de quentinha que atendem seus consumidores através

Leia mais