Logo BULK Services

7 estatísticas de marketing SMS que mostram que essa estratégia ainda vale a pena

por BulkServices



Dados e informações de marketing são essenciais para que se possa compreender a importância de uma ação no mercado e, claro, dirigir os esforços até o ponto necessário. Logo, as estatísticas de marketing SMS comprovam que o interesse por essa estratégia de comunicação é muito alta e, principalmente, que o seu grau de efetividade permanece relevante.

Vale muito a pena investir no SMS marketing, uma vez que se sabe que o mobile se encontra mais em alta do que nunca. Afinal, o tráfego via dispositivos móveis já ultrapassou o feito pelo desktop há muito tempo.

Confira, então, algumas estatísticas que mostram que esse tipo de comunicação tem impactado muitos usuários e trazido resultados significativos para as empresas. Boa leitura!

1. Números de usuários de celular

São 6,8 milhões de pessoas utilizando dispositivos móveis no mundo. A capacidade de entrega do SMS marketing é muito grande. Dessa forma, o grande número de usuários com celulares permite que todo o mundo possa receber as mensagens.

2. Aumento de vendas

Metade dos usuários americanos confirmou a realização de compra direta por meio de uma comunicação recebida via SMS ou e-mail. Essa estatística permite vislumbrar a relevância de uma comunicação bem-feita para mensagens de texto em aparelhos móveis.

3. Nada de SPAM

Apenas 10% das mensagens de texto que são enviadas são consideradas SPAM. Ou seja, trata-se de um número bem menor quando comparado à comunicação via e-mail, em que a quantidade de mensagens SPAM é muito alta. Logo, a taxa de SMS que são deletados pelos servidores é bem baixa.

4. Interesse pelo SMS

Mais de metade dos usuários (57%) estaria interessada em registrar-se a um serviço de SMS que tornasse possível a lealdade da comunicação entre empresa e usuário. Resumindo, querem receber todo dia conteúdo por SMS, desde ofertas até notícias da marca. Assim, conclui-se que a comunicação gera um sentimento de filiação e lealdade.

5. Internet no dispositivo móvel

Quase metade dos internautas em todo o mundo navega por meio de um dispositivo móvel. Trata-se, portanto, de uma estatística que deixa evidente a necessidade de SMS e Internet caminharem juntos, trabalhando as mensagens como ponto inicial da comunicação e fazendo convite aos usuários para que naveguem na página.

6. Leitura instantânea

A grande vantagem dos SMS é que, assim que chegam aos destinatários, são lidos em média cinco segundos depois. Estamos falando, portanto, de uma comunicação altamente instantânea. As estatísticas afirmam também que 90% dessas mensagens são abertas e lidas em um prazo máximo de 3 minutos após o recebimento.

7. Alta porcentagem de abertura

Enquanto os e-mails têm um percentual de abertura de 22%, os SMS tem 98%. Uma oportunidade excelente para se chegar aos usuários com uma comunicação realmente eficaz.

Por fim, é importante frisar sobre a escolha entre short code e long number para as campanhas de SMS. Para tanto, é preciso conhecer a diferença entre eles.

O short code é, como o próprio nome sugere, um código curto que tem de 3 a 5 dígitos. A vantagem de utilizar esse modelo de serviço está ligada à constância, extremamente recomendada para disparos de SMS contínuos. Já o long number (ou número longo) varia entre 8 e 9 dígitos e mais 2 do DDD, um modelo que não tem a constância como ponto forte.

O long code já não é mais utilizado, pois causa certa “desconfiança”. Afinal, trata-se de um número aleatório e não tem a “elegância natural” do short code. Usar, portanto, o número curto traz inúmeras vantagens e uma delas é a possibilidade de métricas, dando retorno sobre quem recebeu o SMS. Além disso, é um serviço regulamentado pela Anatel.

Enfim, as estatísticas de marketing SMS apontadas aqui comprovam que a atuação por SMS ainda continua sendo uma forte forma de campanha e que pode trazer muitos resultados satisfatórios para o seu negócio!

Gostou deste post? Então compartilhe-o nas redes sociais para que seus amigos também possam conhecer essas estatísticas!

Comentários

Comentários